Pracaxi


Origem: Floresta Amazônica Tipo: árvore Altura: até 14 metros Uso: cosmético, medicinal


Pracaxi é um membro da família Fabacea, tendo como nome científico Pentaclethra macroloba Willd Kuntze.


No Brasil, a planta passou a se desenvolver em áreas de várzea, além de crescer na beira de rios. Os estados que apresentam esta planta com abundância são Roraima, Pará, Amapá, Bahia, Acre e Amazonas, onde há grande concentração nas áreas florestais. onde são conhecidas com variados nomes tais como aracaxi, parauaxi, paroacaxi, pau-mulato, pracaqui e tarauaxi.



HISTÓRIA

Apesar de o Pracaxi já ser usado na medicina popular, ribeirinha e indigena há muito tempo, só começou a ser estudado e usado comercialmente há pouco tempo.

Em 2008, no estado do Pará, a coleta de suas sementes passou a ser estimulada como forma alternativa de renda pelos moradores da região da floresta.

Como as árvores costumam crescer em áreas de inundação, suas sementes caem na água e são levadas pelo rio, a coleta, muitas vezes, se dá nas margens dos rios. A cata das sementes também pode ocorrer próximo às árvores, mas como são nativas de áreas inundáveis e em regiões de mata fechada, a colheita fica mais difícil devido aos animais e perigos da floresta. As sementes não são colhidas na árvore, pois quando estão maduras caem e é neste ponto que estão prontas para o uso e comércio.

A função de colheita é majoritariamente feminina e das crianças. Por isso a prática se mostra imensamente importante para as famílias da região, que veem uma oportunidade de renda alternativa e muito importante para o sustento familiar.

O comércio das sementes tem se mostrado não só como uma importante prática comercial, mas também de grande ajuda para a preservação ecológica da região. A colheita, que é feita após as sementes caírem, não necessita de derrubada da árvore ou da quebra de galhos e os habitantes entendem que o ecossistema onde os pracaxis vivem, devem ser preservados para que a árvore produza maior quantidade e qualidade.

O pracaxi tem sido uma das muitas espécies nativas da floresta amazônica amplamente estudada por empresas da área de cosméticos e farmacêutica.


USO

A Partir das sementes se produz o óleo de pracaxi, muito utilizado em cremes e produtos para o rosto e cabelo.

O óleo é muito rico em ácidos oleico e behênico, que possuem ação nutritiva e condicionante. Também possui ação umectante e repelente, especificamente contra o mosquito Aedes aegypti. Estudos têm revelado constituintes isolados no óleo com função anti-hemorrágica, anti séptica, depurativa e cicatrizante

Nos cabelos ajuda na restauração dos fios, melhorando a aparência geral. Devido à ação antifúngica, combate a caspa e previne a queda, fortalece as raízes. Por ser rico em ácidos graxos de cadeia longa, hidrata e nutre os fios profundamente, diminuindo o frizz e as pontas duplas.

Na pele melhora a elasticidade a possui forte ação revitalizante, minimiza manchas e previne o aparecimento de estrias. Cria um filme protetor sobre a pele que impede a perda de umidade e protege de agentes externos como o sol, vento e poluição. Devido suas propriedades antifúngicas, antibacterianas e antissépticas, diminui coceiras e irritações, sendo indicado no caso de dermatites e psoríases.

Na medicina popular é usado contra erisipela.

Sua casca e sementes maceradas produzem uma pasta muito utilizada em casos de picadas de animais peçonhentos como cobras e escorpiões.

É utilizado em banhos de óleo nos cabelos para fortalecer e dar brilho. Auxilia na recuperação da estrutura dos fios e possui ação condicionante.

Auxilia na prevenção estrias, estrias pós-parto, cicatrizes, manchas e despigmentação da pele.

Sua casca é adstringente, é usada na recuperação do pós parto e também como cicatrizante em feridas.


CARACTERÍSTICAS


Reino: Plantae Divisão: Magnoliophyta Classe: Magnoliopsida Ordem: Fabales Família: Fabaceae Sub Familia: Mimosoideae Gênero: Pentaclethra

O pracaxi, paracaxi ou paroá-caxi é uma árvore da família das Leguminosas - Mimosoideae, com altura de 8 -14 m.

Tronco ereto e cilíndrico com casca rugosa.

Folhas compostas bipinadas, de cor escura e brilhante.

Possui inflorescências em espigas terminais cilíndricas ou subterminais, com flores

perfumadas de cor branca com corola campanulada.

O fruto é um legume (vagem) achatado, deiscente, glabro, lenhoso, com estrias longitudinais, variando de 16-45 cm de comprimento, com 4-6 sementes grandes, de cor verde que muda para pardo-escura quando madura, abrindo-se bruscamente e projetando as sementes a uma grande distância.



REFERÊNCIAS

Crespi_Ocorrência, coleta, processamento primário e usos do pracaxi.pdf (orgprints.org) ÓLEO VEGETAL PRACAXÍ – Tropik Cosmetics

Beleza verde: lei facilita pesquisa e populariza insumos da Amazônia - 05/06/2016 - Ambiente - Folha de S.Paulo (uol.com.br) ÓLEO DE PRACAXI - "O ÓLEO MILAGROSO" · EBPM Pracaxi: considerado como elixir amazônico protetor da saúde (coisasdaroca.com) Agro 2.0 em Pracaxi é uma árvore que integra a biodiversidade amazônic

Óleo de pracaxi: benefícios para pele e cabelos - eCycle



Nossos produtos que possuem Pracaxi em sua composição: Macara facial Tea Tree Secativo Tea Tree Esfoliante Tea Tree Oleo Protetor Magna Fili Óleo para Perineo Loção de Limpeza Algodão e Hamamellis Creme Protetor Troca de Fraldas Creme anti Estrias Óleo de Umectação Capilar Manteiga esfoliante para áreas Ressecadas Hidratante Cupuaçu Creme pés Creme mãos