Hortas urbanas

Aprender a plantar foi um grande marco na hist√≥ria da humanidade ūüíĀ‚Äć‚ôāÔłŹ


Permitiu ao homem estabelecer moradia fixa, representando o primeiro passo para a forma√ß√£o de vilas e a vida em grupos organizados. Isso ocorreu no per√≠odo neol√≠tico, na chamada Revolu√ß√£o Agr√≠cola, que teve in√≠cio na regi√£o da Mesopot√Ęmia, conhecida tamb√©m como "crescente f√©rtil", por conter terras muito f√©rteis localizadas pr√≥ximas aos dois rios Tigre e o Eufrates. Tudo isso aproximadamente 5000 A.C. ūüŹ°


De l√° para c√° a agricultura seguiu um longo caminho de moderniza√ß√£o, e o que antes eram pequenas √°reas cultivadas com cereais e algumas hortali√ßas se transformou em grandes planta√ß√Ķes de monocultura espalhadas por todo o mundo.ūüĆĪūü•ó


A vida nas grandes cidades e a facilidade do acesso aos alimentos prontos distanciou a maior parte das pessoas do h√°bito do plantio. (se quiser saber mais sobre este tema leia nosso texto sobre Sa√ļde e nutri√ß√£o aqui - Alimenta√ß√£o e Beleza


No entanto, hoje vemos um grande movimento se instalando se contrapondo a isso, que √© o movimento das hortas urbanas. Cada vez mais pessoas aderem √† pr√°tica de plantar alimentos em casa, retornando √†s pr√°ticas ancestrais. Seja por quererem saber o que est√£o comendo, evitando agrot√≥xicos e fertilizantes, seja por hobby, o que vemos √© cada vez mais pessoas procurando alternativas e criando maneiras de aproveitar os espa√ßos de casas e apartamentos para o plantio de verduras, legumes, ervas arom√°ticas e at√© frutas. Todo cantinho apresenta uma possibilidade! ūüŹ°ūüíö


Muitas s√£o as op√ß√Ķes para quem quer come√ßar sua pequena horta: existem vasos prontos, autoirrig√°veis que s√£o vendidos em lojas especializadas e pela internet, h√° v√°rios tutoriais ensinando como fazer uma horta vertical, √≥tima op√ß√£o para quem mora em apartamento ou n√£o possui quintal com terra. H√° tamb√©m muitas formas alternativas com o uso de baldes, caixas de isopor, jardineiras e pequenos vasos. ūüĆĪūü•ó

√Č uma pr√°tica maravilhosa! ūüíö O ato de plantar, colocar a m√£o na terra, acompanhar o brotar e o crescer, acompanhando o ciclo da semente at√© a planta adulta e, posteriormente, at√© nossa mesa √© um aprendizado incr√≠vel, principalmente para as crian√ßas. E isso sem contar o benef√≠cio de uma comida fresca e org√Ęnica. As plantas t√™m muito a nos ensinar, sobre o tempo, os ciclos, o respeito √†s condi√ß√Ķes externas e √†s esta√ß√Ķes.


Plantar pode ser uma atividade extremamente terap√™utica.ūü§≤


A Magna Mater acredita neste caminho e o incentiva. Por isso vamos iniciar um ciclo de textos com dicas e trocas de ideias sobre o cultivo de hortas urbanas. Os textos ser√£o publicados a cada duas semanas e ser√£o identificados com este selo.

A ideia √© compartilhar informa√ß√Ķes, trocar experi√™ncias e incentivar as pessoas que desejam plantar em suas casas! ūüíĀ‚Äć‚ôāÔłŹūüŹ°

#horta #hortaurbana #saude #cura #agrotoxicos #agricultura #agriculturafamiliar #agriculturaorganica #comidaemcasa

© Copyright