Primavera


O início da primavera, assim como das demais estações, é definido pelos astrônomos e não pelos meteorologistas, pois tem haver com o equinócio, que é quando o dia e a noite têm exatamente a mesma duração. Isso ocorre devido ao posicionamento médio do Sol em relação à Terra, que é quando os dois hemisférios estão igualmente iluminados e o Sol está incidindo diretamente sobre a Linha do Equador.


Seu nome vem de prima vere que quer dizer primeiro verão. Uma outra tradução para prima vere, é Primeira Verdade, que nos reporta para as primeiras revelações que surgem depois da contenção do inverno. Esta estação é marcada pelo início das chuvas e o aumento das temperaturas. Claro, é também a época das flores.


Mas não são apenas as flores e o clima que mudam, o comportamento dos animais também se altera. Em locais onde neva no inverno, os animais que hibernam acabaram de acordar e saem em busca de alimento e também é a época de acasalamento de muitas espécies. Os insetos polinizadores ficam mais ativos, já que a oferta de flores aumenta.

Mas as mesmas flores que embelezam também são os causadores de alergias pois a alta incidência de pólen no ar pode causar desconfortos respiratórios.


É uma estação propícia para se eliminar os excessos. É também um bom momento para começar uma dieta e perder alguns quilos a mais que, porventura, tenha adquirido durante o inverno. O clima costuma ser agradável e convidativo para passeios e exercícios ao ar livre.

Dê preferência para os alimentos frescos e doces, evitando os alimentos muito quentes ou muito frios. Para os doces, prefira os naturais, feitos de frutas.

É um tempo de transformação, de sair do casulo, despertar da hibernação. É um bom momento para mudar velhos hábitos, transmutar sentimentos estagnados, desapegar de vícios. É o florescer após o inverno.


Reza a lenda que há muito tempo atrás, o continente americano era um aglomerado de gelo silencioso e estéril e os homens viviam com frio e medo. Um dia, uma mulher se afastou de sua taba com seu bebê e foi surpreendida por uma terrível tempestade. Desesperada a mulher invocou Tupã e este lhe respondeu: - sobe na montanha mais alta e deixe teu filho tocar o céu com as mãos!


Ela então, em meio a tempestade, foi tateando e subindo a mais alta cordilheira que via. Mas sempre que alcançava o topo percebia que existia outra mais alta ainda. Ela já cansada quase desistia, mas ouvia de novo a voz que repetia: - Sobe a mais alta montanha!

Enfim, a exausta mulher chegou no alto dos Andes e ergueu seu filho o mais alto que pode. O bebê levantou seus bracinhos e tocou então os céus e a Primavera nasceu! As plantas nasceram verdes e flores desabrocharam para todos os lados, passarinhos cantavam comemorando e os homens puderam se aquecer e se alegrar!

http://www.brasilcult.pro.br/lendas/lendas.htm

http://www.festascristas.com.br/micael/micael-textos-diversos/51-observacoes-para-a-epoca-de-micael-e-para-a-primavera


{ Dúvidas sobre nossos produtos ou sobre seus pedidos? Adicione a gente no Whatsapp (31) 997 950 441 }

Homeopatia Magna Mater
Produtos Naturais Ltda.

 

CNPJ 65.186.793/0001-20

Farmacêutica Responsável: 
Vitória Schembri CRF 067723-FHB

Autorização MS: 0.17804.01

Alvará Vigilância Sanitária: 019483

  • Black Facebook Icon

Rua Montes Claros, 509 
Belo Horizonte, MG
CEP 30310 370

(31) 3287 9288 WhatsApp (31) 99795 0441

atendimento@magnamater.com.br