Dia Mundial da Alfabetização

"Saúde se aprende. Educação é que cura"



Hoje é o dia mundial da Alfabetização.

Através da leitura podemos conhecer países que nunca fomos, entender outras culturas e aprender sobre quase tudo que quisermos!


Mas ler não é um processo simples. E a alfabetização é um aprendizado complexo que exige muito cuidado e carinho.


Existem muitas linhas pedagógicas que abordam a alfabetização de diferentes formas. A Pedagogia Waldorf é uma delas.

A Pedagogia Waldorf foi criada em 1919 por Rudolf Steiner na Alemanha. Inicialmente foi criada uma escola destinada aos filhos dos funcionários da indústria Waldorf.

Hoje em dia está presente em várias partes do mundo e existem mais de 700 escolas. Esta pedagogia como um todo segue o caminho de desenvolvimento trilhado pela humanidade, partindo da observação e da experiência até culminar no pensamento abstrato

O ensino das letras nesta pedagogia é feito de forma única, através de imagens e atividades correlacionadas entre o pensar e o fazer, trabalhando com as crianças como um todo, ou seja, a alfabetização não ocorre apenas no pensar, na cabeça e sim através de todo seu corpo.


A Magna Mater dispõe em sua loja física de livros da Editora Antroposófica e, se você se interessou em conhecer um pouco mais sobre esta pedagogia ou sobre a antroposofia, sugerimos alguns livros para você:


Sobre a Pedagogia Waldorf:

Saúde se Aprende, Educação é que Cura. - Elaine Marasca

A Arte de Educar - Rudolf Steiner

A Prática Pedagógica - Rudolf Steiner

Histórias Curativas para Comportamentos Desafiadores - Susan Perrow

Filhos felizes na escola - Helena Trevisan

A Criança aos 9 anos - Hermann Koepke

Os Três Aprendizados da Primeira Infância e a Configuração do Destino - Rudolf Steiner

Criança Querida - Renate Keller

Desvendando o Crescimento - Bernard Livegoed


Para conhecer mais da Antroposofia:

Noções Básicas da Antroposofia - Rudolf Lanz

Fundamentos da Agricultura Biodinâmica - Rudolf Steiner

Filosofia da Liberdade - Rudolf Steiner

Evangelho Segundo João - Rudolf Steiner


© Copyright